08/02/2019 às 14:24
Documentarista do Rio de Janeiro visita São Luiz Gonzaga

Márcia Monteiro pesquisa a história da região para desenvolver um projeto que buscará produzir um longa-metragem sobre os 7 Povos das Missões

Documentarista do Rio de Janeiro visita São Luiz Gonzaga
A jornalista visitou o Sítio Arqueológico de São Lourenço

A história das Missões poderá ser tema de um longa-metragem documental. Na terça-feira, 5, o município recebeu a visita da jornalista e documentarista Márcia Monteiro, da cidade do Rio de Janeiro. A profissional realiza um trabalho de pesquisa nos remanescentes das reduções jesuíticas no Brasil, Argentina e Paraguai. O objetivo da pesquisa é desenvolver um projeto, o qual poderá resultar em um longa-metragem documental sobre a história das Missões.

 

No município, Márcia foi recepcionada no CTG Galpão de Estância. Acompanhada pela secretária de Turismo e Cultura, Rose Grings e a equipe da pasta, a jornalista conheceu mais sobre a cultura gaúcha e missioneira, com a apresentação de artistas locais. A visitante também degustou o prato típico de São Luiz Gonzaga, o arroz carreteiro, acompanhado por um delicioso feijão. “É uma honra recepcionar uma visitante que vem de tão longe para conhecer mais da nossa cultura gaúcha e missioneira. Agradecemos a Márcia pela disponibilidade em nos ouvir e pelo seu desejo de divulgar a história dos 7 Povos das Missões para todo o Brasil”, ressaltou a secretária Rose Grings.
 
 
SEPÉ TIARAJU 
Márcia conheceu a Prefeitura de São Luiz Gonzaga (o Paço Municipal Sepé Tiaraju), a Igreja Matriz, a Praça da Matriz, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, o Complexo Turístico Jayme Caetano Braun e o Sítio Arqueológico de São Lourenço. “Estou completamente encantada! É uma história que ninguém me ensinou na escola. Muita gente não sabe quem foi Sepé Tiaraju, eu mesma não sabia antes, mesmo ele sendo um herói nacional, no mesmo patamar de Tiradentes e Zumbi dos Palmares. É esse resgate da cultura indígena, da cultura guarani, este link do passado com o que temos hoje que desejo realizar. Peço a Deus para conseguir contar essa história da melhor maneira possível”, afirmou Márcia. A jornalista também foi recepcionada pela Família Ortaça, conhecendo um dos ‘Quatro Troncos Missioneiros’, Pedro Ortaça.
 
Em seu roteiro de visitas – totalizando dez dias – a jornalista conheceu Santo Ângelo; São Miguel das Missões; São João Batista (Entre-Ijuís); Santa María la Mayor e San Ignacio Miní (na Argentina); Jesús de Tavarangue e Trinidad (no Paraguai); São Nicolau; São Luiz Gonzaga e Caaró (Caibaté).
 
 
LEGADO ITALIANO
Este não é o primeiro contato de Márcia Monteiro com o Rio Grande do Sul. Junto com a produtora Camisa Listrada e com coprodução da Globo Filmes, a jornalista lançará o documentário “Legado Italiano”. O longa está em fase de pós-produção e narra as influências dos 140 anos da imigração italiana na Serra Gaúcha, abordando temas como religião, música e gastronomia. O filme deverá estrear em 2019, primeiro nos cinemas e após no canal de TV pago, Globo News. 
 
 
A Secretaria de Turismo e Cultura agradece o apoio do músico João Maciel, do Projeto Música na Escola, do CTG Galpão de Estância, do grupo de dança da entidade tradicionalista, do jovem artista Rodrigo Santoni e da Família Ortaça, os quais auxiliaram na recepção da jornalista.
 

(Larissa Dorneles / AI Prefeitura de São Luiz Gonzaga)
 
 

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral