04/07/2019 às 16:41
Luiz Marenco lembra obra de Jayme Caetano Braun na passagem dos 20 anos de sua morte
Luiz Marenco lembra obra de Jayme Caetano Braun na passagem dos 20 anos de sua morte
Rose Grings com Luiz Marenco
Em Grande Expediente, realizado na sessão da tarde desta quinta-feira (4) na Assembleia Legislativa, o deputado Luiz Marenco (PDT) prestou uma homenagem póstuma ao poeta, pajador compositor e radialista Jayme Caetano Braun, que foi seu amigo, parceiro musical e padrinho artístico. A homenagem, que reuniu nas galerias do Plenário 20 de Setembro, tradicionalistas e integrantes da cena musical gaúcha, aconteceu quatro dias antes do aniversário de 20 anos da morte do pajador. “Caetano Braun era o próprio Rio Grande quando se expressava em seus versos. Seus trabalhos são as vozes lá de fora, retumbando na cidade. Recheados de filosofia campeira e universal, de vivências galponeiras, de expressões universais para retratar uma cena do campo, de figuras de linguagem, vão do empírico ao erudito”, analisou Marenco.
 
 
 
O poeta missioneiro eternizou-se em letras de música e resgatou a pajada, tornando-se o mais importante improvisador do Rio Grande do Sul. Foi também radialista, mantendo seu programa Brasil Grande do Sul por 15 anos na Rádio Guaíba, presidente da Estância da Poesia Crioula, diretor da Biblioteca Pública do Rio Grande do Sul e um dos criadores do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG).
 
 
 
Músico consagrado, Marenco compôs melodias para letras de Jayme Caetano Braun. Em 1990, a dupla venceu o primeiro Chamamento do Pampa, festival de Passo Fundo, com “Charla de Domador”. Em seu primeiro disco, denominado Luiz Marenco Canta Jayme Caetano Braun, musicou doze letras do pajador. A obra foi indicada para o Prêmio Sharp, na categoria de Música Regional. Na tribuna, Marenco destacou a obra do homenageado, ressaltando sua contribuição para o movimento musical nativista.
 
 
 

Os deputados Sebastião Melo (MDB), Gerson Burmann (PDT), Issur Koch (PP), Luciana Genro (PSOL), Edegar Pretto (PT), Luiz Henrique Viana (PSDB), Giuseppe Riesgo (NOVO) e Dr. Thiago Duarte (DEM) se manifestaram por meio de apartes. O ex-governador Olívio Dutra, que era amigo do homenageado, e a viúva de Jayme Caetano, Aurora Braun, prestigiaram o Grande Expediente, além de autoridades ligadas à área da cultura. De São Luiz Gonzaga, participou da solenidade, a secretária Municipal de Turismo e Cultura, Rose Grings. 

 

(Assembleia Legislativa do Estado do RS - Foto - Arquivo Pessoal Facebook de Rose Grings)

 

 

 

 

 

 

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral